1. A primeira vez com cristina


    Encontro: 20/02/2020, Categorias: Oral Mordidas, Sexo com pegada, Heterossexual Autor: Ébano37, Fonte: CasadosContos

    Olá meu queridos...pra quem ainda não me conhece me chamo Richard,37 anos1,69 de altura,88 kilos e amo sexo. Outro dia conversando com a Cristina (reencontro regado a sexo)disse sobre o conto o qual ela adorou e ela disse que poderia contar como tudo começou. Coisa que eu ja estava pensando. Então vamos lá. Conheci cristina em 1999 através de um amigo em comum mas de início foi apenas bate papo. Passaram-se alguns dias e fui na rua onde ela morava e ficamos conversando e em certo momento falei que tava afim de dar uns beijos com ela. Ela na hora topou e ficamos nos beijando com fome,meu pau ja ficou duro mas fiquei na minha. Fui beijando seu pescoço e quando dei uma mordida ela suspirou. Olhei pra ela e disse:Então quer dizer que você gosta de mordidas? Ela respondeu:adoro só que um pouco mais forte. Mas não dava pra pegar ela gostoso pois eu tinha compromisso e marcamos pra sexta próxima...estávamos na terça. Na sexta me arrumei,passei um bom perfume e fui busca-la em casa. Ela deu a desculpa que iríamos pra uma quermesse...saimos andando pela rua e chegamos a uma rua deserta com algumas árvores com folhagem até o chão...a puxei pra lá e ja começamos a nos beijar. Minhas mãos voaram até seus seios e enquanto a beijava e mordia sua boca e seu pescoço massageava seus mamilos. Torcia levemente e tirei eles pra fora e comecei a chupa-los e morder. Ela pedia pra morder mais forte e eu atendi. Enquanto chupava seus seios abri sua calça e comecei a acariciar sua buceta que estava ...
    ... completamente enxarcada. Alisei seu grelinho por um tempo e meti dois dedos bem fundo na sua buceta. Ela gemia alto e eu abafava seus gemidos com meus beijos. Quando menos esperamos vimos um farol de carro e nos recompomos...saimos procurando um lugar mais calmo. Fomos pra beira da represa guarapiranga e la o pau comeu. Tirei toda sua roupa e deitados no gramado comecei beijando sua boca e fodendo sua buceta com os dedos. Passei a chupar seus seios e morde-la. Quanto mais eu mordia mais ela pedia pra morder forte e aquilo me excitava mais. Desci beijando seu corpo e quando cheguei na buceta cai de boca chupando seu grelinho e fodendo ela com dois dedos. Logo ela gosou forte mas eu queria mais. Continuei chupando sua buceta e mamando no seu grelinho (coisa que até hoje ela gosta). Quando gozou a segunda vez resolvi fode-la com gosto. Subi e beijei sua boca compartilhando com ela o gosto do seu orgasmo enquanto meu pau escorregou fundo pra dentro dela. Que bucetinha gostosa...quente,molhada e aconchegante. Passei a fode-la devagar,aproveitando cada centímetro daquela delicia de buceta. Metia meu pau bem fundo e fui acelerando pois queria que a minha fêmea gozasse o que logo aconteceu. A pus de quatro e soquei meu pau de novo. Peguei nos seus cabelos,puxei e passei a tirar meu pau e meter todo. Fui acelerando segurando seus cabelos,arranhando suas costas até que explodi dentro dela enchendo sua buceta de porra quente e ela gozou junto...adoro isso. Gozar juntos é uma ligação sem ...
«12»