1. Viúva carente minha doce amante


    Encontro: 20/02/2020, Categorias: Heterossexual Autor: Digogato1, Fonte: CasadosContos

    Caros leitores, amigas e amigos,és o meu primeiro conto Sempre adorei ler, hj resolvi contar um muito especial.
    
    Sou um gaúcho da capital, tenho 1,66 al, 64kg, pele braca, olhos castanhos claros " cor de mel", uso barba bem feita acho que esse detalhe me dá um charme a mais.
    
    Vamos aos fatos, pois bem. Aconteceu no final de 2012 inicio de 2013. Eu sempre fui muito arteiro, safado. Bem antes dos app de namoro, bate papo e whatsapp, eu já usava as salas de bate papo das operadoras de celulares que eram através de msg de texto. Na época eu tinha 29 anos hj estou com 34. Em uma dessas salas de bate papo, eu conheci uma mulher de uma cidade que fica em torno de 3horas de distância da minha, eu sou de porto alegre RS. Conversando na sala, eu passei meu número para ela. Como sou casado eu tinha outro celular para poder manter contato com outra mulher se fosse o caso.
    
    Vou chamá-la pelo apelido carinhoso que dei para ela "Debi". Debi e eu começamos a nos conhecer, conversávamos praticamente todos os dias e viramos amigos e confidentes. A confiança e a cumplicidade era de mais. Ela é mãe de dois filhos e estava viúva a mais de dois anos, sua vida era dedicada para cuidar da casa, dos filhos, e marido.(já falecido). Nos focamos conversando o dia dia todo, em uma das conversas, Ela me relatou que estava sem sexo a quase oito anos mesmo sendo casada. Seu casamento era só de fachada seu marido não sentia nada por ela, mas ela mesmo assim nunca o traiu, Isso me deixou meio confuso, ...
    ... ao mesmo tempo que eu fiquei com mais vontade de ter aquela mulher. Fiquei desconfiado se tudo isso era verdade. Ela me confessou tbm que nunca havia feito ou recebido sexo oral e que sentia muita vontade de fazer. Nós ficavamos falando sobre sexo praticamente todo o tempo e quando eu tinha um tempinho mais livre no meu serviço pela manhã, ela me ligava e agente fazia gostoso por telefone, primeiro eu fazia ela gozar falando muitas coisas gostosas e excitantes para ela, ela gemia e sussurrava que me deixava maluco de pau duro e imaginando ela deitada na cama só de calcinha se masturbando deliciosamente. depois que ela gozava, eu ia para o banheiro e ficava só escutando ela falando muitas safadezas e gemendo até eu goza bem gostoso. trocávamos fotos através de mensagem multimídia, pois na época ñ havia Whatsapp né. ela só de calcinha em várias posições, eu de cueca e de pau duro, e assim foram passando os dias e os meses. depois de algum tempo, resolvemos nos encontrar, combinamos para um sábado pela manhã, pois eu fazia um curso de especialização na minha área e seria perfeito para dar uma fugida da esposa sem levantar suspeitas. ela veio para porto alegre e eu a busquei na rodoviária de moto. Ela estava em um vestido longo branco floral. ela era uma mulher de pele branca, cabelos pretos ondulados, 1,55 al, uns 60kg mais ou menos, seios médios bicudinhos, coxas grossas e bumbum redondo e avantajado. quando ela pegou na minha mão para me cumprimentar, notei que ela tramia de ...
«123»