1. A gordinha da Clínica


    Encontro: 14/02/2020, Categorias: Humilhação, BDSM Sexo casual, Oral Gorda, BBW, Heterossexual Autor: Homem Bom Kachu, Fonte: CasadosContos

    Olá quem acompanha meus contos tem percebido como eu adoro gordinhas e faço questão de enaltecer os adjetivos dessas mulheres, quem acompanha televisão e revistas percebe o quando a cultura da moda magra é massacrante.
    
    Mais vamos lá, certa vez fui fazer um exame em uma clinica de Vitória, perto do meu trabalho na Reta da Penha.
    
    Eu sempre uso perfumes marcantes! Neste dia eu estava com um que adoro por onde passo sinto que todo mundo me olha.
    
    Quando entrei e fui tirando meu óculos e atravessando a recepção quando ela me viu, ela foi se levantando e me olhando nos olhos.
    
    Ela uma menina gordinha, linda, baixinha, 1,50 e poucos, cabelos castanho claro, olhos bem desenhados, uma pele branca, com mãos pequenas, com um corpo bem desenhado, pelas suas curvas.
    
    Simplesmente apaixonei de cara!
    
    Ela atendia uma senhora que estava na recepção.
    
    O seu nome é Anne, 32 anos, estudante da UVV.
    
    Quando entrei não consegui tirar os olhos dela, entreguei o papel para o rapaz da recepção, que me atendeu muito bem!
    
    Logo ela chegou na beira do balcão se debruçando e entregando o papel da senhora para ele, e pegando outros e perguntou o dele o é?
    
    Rapaz: Ainda não dei entrada no dele.
    
    Anne: Deixa eu que cadastro
    
    Pediu dados, telefone e tudo mais.
    
    Como era pela empresa, tudo estava acertado questão financeira.
    
    Esperei sentado, questão de segundos e ela entrou para para sala de coleta e voltou me chamando, já de mascara e luva!
    
    Então pude ver o seu crachá com o ...
    ... nome completo, para depois procurar nas redes sociais...rs
    
    Conversa vai conversa vem, brincando pra ir com carinho ela me tranquilizava dizendo que tinha uma mão levinha, odeio agulhadas.
    
    Segurou meu braço fez os procedimentos fez as coletas necessárias disse para pressionar até estancar o sangue, me levantei e partir para um tudo ou nada!
    
    - Moça, me perdoe se estiver sendo evasivo mais achei lindo o seu sorriso.
    
    Ela sorriu meio envergonhada, abaixando a máscara.
    
    - Qual o seu nome?
    
    - Anne
    
    - Prazer, me chamo André.... ela sorriu
    
    - Eu sei....
    
    Mais que depressa falei, será que posso ter o seu contato?
    
    - Você tem no cartão da clínica é só ligar e pedir seu resultado.
    
    Fiquei sem entender nada, e pensei cara que toco ou fora.
    
    Porém ao sair falei: Foi um prazer conhece-la e adoraria ver esse sorriso lindo fora dessa clínica!
    
    Imagino que ela deve ter ficado o dia todo pensando na gente.
    
    Final da tarde, eu ia sair tarde pois eram meus primeiros dias na empresa.
    
    Recebo um whatsapp de um número ainda desconhecido, dizendo: Saio as 18h30 e vou para o Coronel Picanha com o pessoal.
    
    Respondi: Olá que honra poder receber uma mensagem sua. Claro posso passar por lá mais irei sair um pouco tarde, estou novo aqui.
    
    Anne: Tudo bem, só tenho que ir para faculdade as 20h, não vou demorar aqui!
    
    Eu: onde estuda?
    
    Anne: UVV
    
    -Opa, moro em Vila Velha topa uma carona?
    
    - Você não vai me sequestrar não né?
    
    -Prometo apenas uma carona.
    
    dei ...
«1234...»